Backstage Music


 
HomeHome  FAQFAQ  SearchSearch  RegisterRegister  Log in  
Photobucket
INTERVIEWERS WANTED!
+Info

Share | 
 

 Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012

View previous topic View next topic Go down 
AuthorMessage
Pieni
Backstage Press | Level 3
Backstage Press | Level 3
avatar

Registration date : 2009-04-06
Number of posts : 548
Age : 38
Country/ City : Portugal / Gaia
Preferred Music Style : hard'n'heavy

PostSubject: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   Tue Apr 24 2012, 02:17

REQUIEM FOR THE INDIFFERENT
EUROPEAN TOUR 2012



22 de Abril de 2012
Hard Club
Line-up: XANDRIA, STREAM OF PASSION, EPICA
Texto & fotos: Renata Lino


Ainda não eram 19:00 e já a fila para a Sala 1 do Hard Club contornava a esquina da Sala 2. Os XANDRIA, com os seus 15 anos de carreira, não eram uma banda de abertura qualquer e muitos eram os que não queriam perder pitada, especialmente quando a banda alemã tocaria apenas meia hora. Anda antes da abertura de portas, os guitarristas Marco Heubaum e Philip Restemeier, a cargo da respectiva banca de merchandise, foram interpelados por diversos fãs para tirar fotos e autografar bilhetes.
Todos os seis temas que compuseram o curto repertório pertenciam ao mais recente trabalho dos XANDRIA, “Neverworld’s End”, com excepção do último, “Ravenheart”- provavelmente a sua música mais popular, datada já de 2004.
Depois do incidente com o dedo indicador de Nils Middelahauve, cuja infecção obrigou o baixista a já duas cirurgias (o Backstage Music Forum deseja-lhe uma rápida recuperação), Fabio D’Amore dos austríacos SERENITY assumiu as cinco cordas e parecia completamente à vontade, interagindo tanto com os restantes músicos como com o público, como se sempre tivesse pertencido à banda.
Philip falou num português “abrasileirado” – do que ele estava plenamente consciente e até pediu desculpa por tal! – que estariam lá fora, no final do concerto “do” EPICA, se quiséssemos ir falar com eles. Dado o modo como o público gritou durante e entre as músicas, tenho a certeza que muitos o fizeram.

www.xandria.de












Com menos “bagagem” mas igual reconhecimento, seguiram-se os holandeses STREAM OF PASSION, numa actuação que a própria vocalista Marcela Bovio descreveu como “lendária”. A sua origem mexicana permitiu que falasse praticamente o concerto todo num português com algum espanhol à mistura, mudando para inglês apenas na despedida para, à semelhança dos XANDRIA, dizer que estariam junto das bancas de merchandise à nossa espera, no final do evento.
Embora “Darker Days” tenha sido lançado em Junho do ano passado, o repertório dos STREAM OF PASSION foi mais variado que os seus antecessores, com temas dos três álbuns que gravaram até à data. Começaram com “Lost”, continuaram com “Passion” (do primeiríssimo “Embrace The Storm”, ainda com a participação do aclamado Arjen Lucassen), passando por temas como “In The End” e a cover dos RADIOHEAD “Street Spirit”, e finalizando com “This Endless Night”.
Apesar dos problemas técnicos na guitarra de Eric Hazebroek, foram 45 minutos de uma qualidade indiscutível, em que não posso deixar de mencionar os saltos constantes do baixista Johan van Stratum.

www.streamofpassion.com












“Karma”, o tema introdutório de “Requiem For The Indifferent”, tem pouco mais de minuto e meio, mas a intro do concerto pareceu-me mais longa. Membro a membro, os elementos dos EPICA tomaram os seus lugares em palco e “atacaram” “Monopoly On Truth”.
Quase sem interrupção, regressaram ao primeiro longa-duração, “The Phantom Agony”, tocando “Sensorium” – todo o concerto foi um vaivém pela sua discografia, obviamente com mais passagens por “Requiem...”.
Depois de dizer que éramos “hot” e “steaming”, o guitarrista/vocalista Mark Jansen agradeceu-nos por oferecermos-lhes a oportunidade de viver da música – o “obrigado” na nossa língua, uma vez que a namorada portuguesa do baterista Ariën van Weesenbeek ajudou-o a corrigir a pronúncia tantas vezes que até “já era automático” dizê-lo.
Além do profissionalismo e simpatia dos músicos, que por si só tornavam o concerto memorável, tivemos ainda um excelente jogo de luzes (e ventoinhas) para um impacto visual mais notável. E o novo baixista Rob van der Loo, que foi obrigado a ficar de fora dos primeiros concertos da tour por motivos de saúde, estava de volta.
Mais para o final, Simone Simons disse que naqueles 10 anos de EPICA (que nem todas as bandas conseguiam atingir tal durabilidade), sempre tinham sido bem acolhidos pelos portugueses e que era bom estar de volta. Que se lembrava de ter tocado no antigo Hard Club, “do outro lado do rio”, em 2005. E ao perguntar quem lá tinha estado, vários braços se ergueram entre as mais de 600 pessoas ali presentes. Apresentou então o “último” tema, que tinha sido tocado nesse outro concerto também: “The Phantom Agony”. O que foi diferente foi uma parte da música, mais ou menos a meio, em que os teclados sofreram um remix “apastilhado” e toda a banda se divertiu imenso a saltar e a dançar.
Claro que era o último tema antes do encore, não do concerto. Enquanto o público gritava o nome da banda e as luzes do palco estavam semi-acesas, ouviu-se uma guitarra a tocar “acordes avulso”, uns deles dos “nossos” MOONSPELL“Alma Mater”.
O teclista Coen Janssen foi o primeiro a retornar ao palco, pegando no micro e dizendo que não só éramos bons bebedores como também um bom público. Que tal como Simone tinha dito, era bom estar de volta ao Porto após “7 mil anos”, num Hard Club melhor que o anterior – pessoalmente, discordo desta comparação, mas claro que gostei quando ele acrescentou que éramos merecedores do que havia de melhor. Prometeu que voltariam da próxima vez, se o prometêssemos também. Ouviu-se uma explosão de “yeah!” ao que Coen respondeu que estava então combinado.
“Cry For The Moon”, “Unleashed”, um solo de bateria e “Consign To Oblivion” foram os últimos temas de um concerto que ultrapassou os 90 minutos e visivelmente não desapontou nem os mais cépticos.

www.epica.nl























Back to top Go down
Remember
Music listener


Registration date : 2012-03-21
Male Number of posts : 7
Country/ City : Porto
Preferred Music Style : Metal

PostSubject: Re: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   Thu Apr 26 2012, 18:20

O som estava poderozissimo
Talvez tenha sido o melhor concerto que vi de Epica
Back to top Go down
Pieni
Backstage Press | Level 3
Backstage Press | Level 3
avatar

Registration date : 2009-04-06
Number of posts : 548
Age : 38
Country/ City : Portugal / Gaia
Preferred Music Style : hard'n'heavy

PostSubject: Re: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   Thu Apr 26 2012, 20:03

Remember wrote:
O som estava poderozissimo
Talvez tenha sido o melhor concerto que vi de Epica

Dos 4 concertos que vi, acho que sim, que foi o melhor (embora o primeiro, em 2004, me tenha marcado pela surpresa). E não dei conta de problemas técnicos nenhuns! Entrevistei o Mark para outro site (HINTF) e ele disse que esta tour tem sido terrível nesse aspecto.
Back to top Go down
MI-13
Backstage Press | Level 3
Backstage Press | Level 3
avatar

Registration date : 2008-02-26
Male Number of posts : 956
Age : 39
Country/ City : Portugal/V.N.Gaia
Preferred Music Style : MEtal

PostSubject: Re: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   Wed May 02 2012, 17:03

PArabéns . Estas tão no Teu Top Fotos.
do que conheço do teu work de fotos.
as da Simone estão 6 estrelas

imagem, luz etc no ponto

Back to top Go down
Pieni
Backstage Press | Level 3
Backstage Press | Level 3
avatar

Registration date : 2009-04-06
Number of posts : 548
Age : 38
Country/ City : Portugal / Gaia
Preferred Music Style : hard'n'heavy

PostSubject: Re: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   Wed May 02 2012, 17:09

Obrigado ^^ Também estou muito contente comigo própria com este resultado. As luzes que os Epica tiveram ajudaram imenso, claro. Foi um bom espectáculo visual e, mesmo com alguns strobes pelo meio, proporcionaram excelentes condições para fotografar
Back to top Go down
MI-13
Backstage Press | Level 3
Backstage Press | Level 3
avatar

Registration date : 2008-02-26
Male Number of posts : 956
Age : 39
Country/ City : Portugal/V.N.Gaia
Preferred Music Style : MEtal

PostSubject: Re: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   Wed May 02 2012, 17:11

NEsta sala não abusam tanto dos vermelhos,, na sala 2 sim .
Não é que eu perceba muito oolo mas é o que me parece
Back to top Go down
Pieni
Backstage Press | Level 3
Backstage Press | Level 3
avatar

Registration date : 2009-04-06
Number of posts : 548
Age : 38
Country/ City : Portugal / Gaia
Preferred Music Style : hard'n'heavy

PostSubject: Re: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   Wed May 02 2012, 17:15

Também, mas os Epica trouxeram equipamento e técnico próprios ;)
Back to top Go down
Sponsored content




PostSubject: Re: Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012   

Back to top Go down
 
Reportagem: EPICA + STREAM OF PASSION + XANDRIA, Hard Club, 22/04/2012
View previous topic View next topic Back to top 
Page 1 of 1
 Similar topics
-
» Saxon v Jamdown Rockers v Frontline: Lewisham Boys Club, SE London. August 1983
» Addies: Cue Club, Queens NY. 1995
» Rapattack: Allstars Boxing Club, Harrow Road, Paddington. 25 December 1987. (Time FM & Girl's FM Allnighter!)
» VOLCANO EXPRESS V SAXON STUDIO: HILL TOP CLUB, NW10. 1987
» Roots Hi-Tek: Club Roots Underground, London. 2005

Permissions in this forum:You cannot reply to topics in this forum
Backstage Music :: General :: Hard n Heavy :: Live Music Feedback-
Jump to: